01

A limpeza de peças é essencial para muitos processos industriais, como preparação para o tratamento de superfície. Muitas linhas de produção se iniciam pelo recebimento de chapas de metal com óleos de proteção temporária que evitam sua corrosão. As etapas seguintes, que envolvem eletrodeposição são particularmente sensíveis à limpeza das partes, uma vez que mesmo os menores vestígios de óleos ou hidrocarbonetos podem impedir a adesão adequada do revestimento. A ASTM B322 é um guia padrão para os processos de limpeza de metais antes da pintura, onde uma das etapas mais importantes é um banho em solução desengraxante alcalina a quente. Este processo normalmente exige um consumo significativo de energia, pois as soluções mais tradicionais na indústria requerem uma temperatura entre 55°C a 65°C.

Entretanto uma nova tecnologia de banhos alcalinos, tem inovado a limpeza de partes metálicas em inúmeros tipos de indústria, ao permitir banhos eficientes e mais rápidos a temperaturas inferiores, de 40°C em média.

A nova tecnologia, denominada Bonderite C AK ZX 4 é isenta de silicatos e concebida para a limpeza de metais ferrosos, com grande aplicabilidade no processo de desengraxe de chapas de metal. Ela utiliza um surfactante inovador que lhe dá a capacidade de desengraxe a baixas temperaturas, reduzindo assim os custos de energia, equipamentos e processos.

No Brasil, soluções de desengraxantes a baixas temperaturas, como o Bonderite C AK ZX 4, Bonderite C AK 1574 e Bonderite C AK L95 já têm sido adotadas em diversas indústrias que utilizam chapas metálicas em seu processo de manufatura, desde montadoras automobilísticas até fabricantes de eletrodomésticos. Neste ramo, podemos citar o exemplo de um grande fabricante de linha branca que, segundo fonte, tem economizado até 70% de energia com desengraxantes de baixa temperatura. Além disso, o tempo necessário para o banho das chapas metálicas também foi reduzido.

Segundo a mesma fonte, mais de 60% do mercado de eletrodomésticos no Brasil já adotou em suas linhas de produção esta nova tecnologia de desengraxante de baixa temperatura. Além deste segmento, todo processo que exija um pré-tratamento para posterior pintura, pode se beneficiar da novidade.

Além da redução no consumo de energia, esta nova abordagem vem de encontro a atender uma demanda ambiental que é a isenção de boro na estação de tratamento de superfície.